Metafísca: devaneios

Exercícios de Kundalini Yoga – parte I

Os exercícios aqui são introdutórios da Raja Yoga, ou Kundalini Yoga, porém deverão fazer parte de seu cotidiano para sempre. Uma vez iniciados, você jamais poderá abandoná-los sob pena de prejuízos incalculáveis no seu progresso interior, pois, a cada experiência, a cada nível gradual que você subir na escada vibratória, eles ganharão novos agregados e continuarão produzindo resultados mais extraordinários ainda.

Kundalini

Estes execícios devem fazer parte de toda prática de yoga ou meditação que você venha fazer de agora em diante. Eles são fundamentais e seus benefícios foram comprovados também pelos grandes yogis perfeitamente realizados e iluminados.

Primeiro Exercício de Kundalini Yoga

Este exercício é o mais difícil e mais filosófico também. Ele é complicado até para estudantes experientes em Yoga. O objetivo deste exercício é fazer a mente alcançar ou conhecer o estado de consciência chamado de Turya. Turya é a autoconsciência, este estado de consciência possui inúmeros graus ou níveis de ancoragem da mente. Em seu primeiro nível, representa o contato da alma como o atma.

Exercício Bhavana

Bhavana é o exercício de vê Deus (o atman) em si mesmo e em todas as coisas simultaneamente.

Todas as coisas possuem Deus dentro delas. Os vegetais, os objetos inanimados, os animais, os EVENTOS, e as pessoas; quer seja o mendigo sujo e fedido na rua, até a madame perfumada com as glândulas de animais assaninados para fazer seu perfume. Os santos, os pobres, os ricos, as crianças, os maus, os bons… os anjos, os demônios… as alegrias, os sofrimentos, os acidentes… todas as coisas possuem Deus dentro delas.

No exercício de bhavana todas essas coisas citadas e outras mais que se apresentarem diante de si, partem de dentro de você; faz parte de você e estão ligadas a você.  Porque Deus (o atma  – o filho, Cristo) está dentro e fora de você, unindo tudo pela malha de energia divina que é a Kundalini inexorável. Isto é bhavana.

Pratique este exercício todo o tempo. Construa um medalhão de chumbo contendo um símbolo que ligue seu inconsciente ao consciente para fazer você lembrar deste japa. Use um japa-mala para lembrar deste japa. Faça o que tiver de fazer para se lembrar o tempo todo deste japa.

Segundo Exercício de Kundalini Yoga

Este exercício é mais simples que o anterior, contudo requer atenção e precisão acurada do estudante.

Respiração Kundalínica

Concentre-se na sua respiração, na região onde sente o ar tocar mais forte nas vias respiratórias, geralmente esta região é a base da garganta.

Sem fazer barulho respiratório, nem esforço, quando tiver pronto, procure sentir o ar frio que entra e o ar quente que sai. SENTIR é a chave deste exercício.

Visualise SIMULTANEAMENTE enquanto INSPIRA e SENTINDO AR FRIO. Veja a energia subindo da base da coluna (coccix) até a região do meio da testa, no ponto da glândula pituitária. Tudo isto simultaneamente, ou seja ao mesmo tempo.

Segure o ar nos pulmões cheios por alguns segundo.

EXPIRE o ar SENTINDO-O QUENTE. Simultaneamente, visualise a energia DESCENDO do meio da testa passando pela coluna até o coccix. Segure os pulmões vazios por uns instantes e continua.

Repita o ciclo o tempo que puder, 15 a 30 minutos por dia é o mais adequado. O exercício pode ser feito em qualquer circunstância, local ou tempo. Não há restrição. Faça quantas vezes puder.

Nos primeiros dias é fácil SENTIR o FRIO e o QUENTE, na larínge. Depois com a prática sentirá na coluna toda.

Meu alunos são educados a fazer este exercício de diversas maneira de acordo com a situação. Respirar trocando as narinas (respiração alternada) etc. Noutros artigos ensinarei este exercícios em nível médio e avançado.

Terceiro Exercício de Kundalini Yoga

Este exercício trabalha a energia corporal. Ele tem diversos níveis, assim como os anteriores. Seus benefícios são inúmeros e os resultados também. Aqui ele tem função de manipular a energia eletromagnética.

As razões são: limpar os nadis, educar a energia fluídica, limpar a aura, ordenar as correntes do Corpo de Desejos (chackras), intensificar a vibração dos chacras… e claro desenvolver os sentidos internos para sentir e manipular as energias solar, lunar e telúrica no corpo.

Exercício Magnético

O exercício magnético é muito simples e existe mais de uma dezenas de modos de fazê-los, cada um atuando em certo nível de consciência, em determinado veículo ou corpo sutil e modo de fazer. Todos eles são legados dos antigos mistérios de Isis, ou egípcios, os faquires os conhecem em profundidade.

Eles são fundamentais para limpar a aura, destruir a matéria-forma de pensamentos e a Luz Astral (fluído astral emitido pelas células do cérebro).

Exponho aqui apenas um, os demais exporei noutros artigos e deve ser executado como segue:


Quem eu era na vida passada


Onde fazer a Regressão a Vidas Passadas

O seu quarto é seu laboratório, mas você não deve usar sua cama, haja vista seu corpo está acostumado a dormir sempre  que relaxa ali. Então, você deve se esforçar para ter uma poltrona confortável, que proporcione um relaxamento sem incômodos físicos. Este móvel é fundamental para seu sucesso.

Se você possui uma sala exclusiva ou escritório em casa, melhor ainda, pois pode decorar com cores , decoração, elementos que auxiliem no seu trabalho interior.

Onde fazer a Regressão a Vidas Passadas

Você não deve fazer regressão com pessoa próxima de você ou dentro do seu recinto, seja ela quem for, pois a aura dela vai interferir nas imagens que aparecerão na sua mente, e sofrerão influência daquela pessoa.


Projeção Astral Técnicas e Dicas

A Projeção astral ou Viagem Astral é também erroneado chamada de Desobramento do Duplo Etéreo. A projeção é feita projetando a consciência diretamente sobre o Corpo Astral, enquanto o Desdobramento ocorre no deslocamento dos éteres do Corpo Etérico.

Muitas pessoas sadias e doentes fazem projeção astral conscientemente ou espontaneamente. A projeção astral espontânea se manifesta em forma de “sonhos conscientes“, poquíssimas conseguem desdobrar o duplo etérico.

O desdobramento do duplo, bem como qualquer trabalho sobre os fluídos etéreos do Corpo Etérico, quando feito sem o preciso e diligente conhecimento de seu funcionamento, causa as famosas doenças comuns nas pessoas espirituais, tais como as dos médiuns passistas e incorporadores do tipo: diabetes, doenças no sangue, **** no fígado, nos rins e doenças incuráveis nos sistemas nervosos.

Ele ocorre naturalmente em todas as pessoas quando dormem, contudo algumas pessoas podem fazer uma Projeção Astral conscientemente.

Leia Como fazer projeção Astral Consciente técnica I, explica detalhadamente como fazer desdobramento astral


O significado da YOGA

A yoga é um método científico espiritual de realizadação humana, cujo objetivo principal é a libertação da mente humana dos condicionamentos psicológicos e atávico herdados da cultura e tempo. A palavra sânscrita yoga deriva da raiz yuj, que significa unir, controlar, jungir etc.Para a cultura hindu é apenas uma das seis escolas principais que  constituem  o hinduísmo.

ORIGEM DA YOGA

A yoga como ciência é bem mais antiga que o hinduísmo – também segundo algumas fontes (Bhagavad Gita por exemplo), mais antiga que a atual humanidade. O termo yoga é de origem indiana, contudo a técnica em sí, esteve presente na cultura Maia e Asteca, conforme as narrações nos escritos dos colonizadores, também está presente nas tradições egípcias antigas e outras culturas antigas.

DEFINIÇÃO DE YOGA

A yoga é antes de tudo um conjunto de técnicas e estilo de vida formando um sistema perfeito de realização espiritual, um patrimônio espiritual e cultural da humanidade.

YOGUE RAMACHARAKA

A yoga veio para o Brasil através das obras do Yogue Ramacharaka quando membros do Círculo Esotérico da Comunhão do Pensamento traduziram e publicaram as suas obras no Brasil influenciando os místicos e simpatizantes da sabedoria ocidental.

Nos EUA a yoga foi difundida inicialmente também por Ramacharaka, que era reconhecido como um grande mahatma, um rish moderno pelos iniciados das escolas esotéricas de lá. Este mahatma chegou a admitir discípulos da própria India, tal como o Swami Vivekananda, que não era yogue e monge intelectual brahmanista; e outras pessoas de rol muito maior que este. Também fundou novas linhas de yoga tal como a Agni Yoga e outros sistemas mais avançados não acessíveis ao público comum.


O que é Laya Yoga

Laya Yoga significa Yoga da Dissolução, ou Yoga da Nulidade. Laya é o ponto zero da mente, onde tudo começa no ser. Esta avançada modalidade de yoga é confundida com o relaxamento ou técnicas agressivas de indução hipnótica.

kundalini

Laya Yoga em certos aspectos é a síntese da Raja Yoga e Kundalini Yoga, porém é muito mais sutil que as duas juntas. Seu conceito de energia vai além dos conceitos normais e na maioria das vezes, extrapolam as possibilidades humanas, haja vista se tratar de um método de yoga shivaísta da mão esquerda, tantrista negra.

TÉCNICA DA LAYA YOGA

brahmanica laya yoga é um estado de consciência yogindraA laya yoga é 100% passiva, sua técnica se baseia num eterno contraste, o confronto da morte com a vida, do ser com o não-ser, da consciência (luz) com a inconsciência (sombras), da ação com a inação, etc. Através de seus métodos procura absorver toda forma da energia universal transmutando em consciência divina.

Dentro da tradição brahmanica laya yoga é um estado de consciência yogindra, o ser absorvido em Deus. A mente após atravessar os quatro estados efêmeros de consciência, depois de gozar o samadhi em turiya, estabelece no atma, o ponto inicial da mente Laya.

A melhor maneira de se praticar laya yoga é deitado, porém sentado em posição de lótus produz grandes efeitos. Às vezes no intuito de abrir certos nadis, pode-se deitar de lado, mas de forma geral se pratica em decúbito dorsal (barriga para cima), SHAVASANAposição do cádaver.

LAYA YOGA RESPIRAÇÃO

A respiração é fudamental na laya yoga, haja vista que, após os exercícios de pranayamas iniciais  – que são feitos no intuito de invocar a serpente adormecida, o praticante deve treinar e condicionar seu corpo a buscar espontaneidade respiratória estabelecendo em sattwa.

O modo de respiração desmonstra o estágio da pessoa na vida e seu sucesso na yoga. A respiração abdominal, a mais grosseira; a respiração densa e forte na caixa torácica; e a respiração na parte mais alta da caixa torácica com apenas um fio de ar. Cada um destes modos de respirar diz tudo sobre o sucesso na laya yoga.


Porque abrir os chakras

Os exercícios para abrir os chakras são baseados na raja yoga. A forma mais perfeita para intensificar e expandir a energia nos chakras é combinar as regras de hatha yoga as técnicas da raja yoga.

Quem já pratica algum tipo de exercícios de asana yoga, tem mais chances de ser bem sucedido a quem não pratica nada, também são beneficiada a pessoa que pratica meditação com frequência.

TÉCNICAS PARA DESPERTAR OS CHAKRAS

Sete Mulheres

As técnicas de raja yoga são precisas e cirurgicas, após 15 a 20 dias de práticas a pessoa já sente os resultados. Quem tem a clarividência pode notar a diferença na aura da pessoa, os tons escuros são substituídos por tons amarelos vividos, laranja, indigo no tronco até o violeta ricamente colorido na região da cabeça.

As técnicas de hatha yoga atuam um nível abaixo das técnicas de raja yoga, mas conferem sensações mais duradouras e mais intensas, a aura da pessoa adiquire colorações vívidas e bem definidas. A cada hora sideral um nadi entra em atividade conferindo êxtases deliciosos. As concentrações se tornam pontuais e a pessoa tem leve alteração na consciência.

As técnicas da hatha yoga proporciona autoconsciência dos chakras menores, em regiões desconhecidas, também proporciona diferentes tipos de extases conforme a manifestação da energia sideral local.

Após despertar os chakras nunca mais a prática dos pranayamas serão as mesmas, as luzes serão constantes e os transes manifestam com frequência. É possível sentir o sangue correr nas veias e artérias, os líquidos armazenados, os fluídos em transição, as cores dos orgãos internos e seus sons caracteristicos, uma sinfonia saborosa em forma de extase arrebata quase sempre a pessoa em experiência psíquicas.

CHAKRAS LITERATURA SAGRADA

A leitura de obras mortas e chatas sem sentido da literatura sagrada, passam a ter sentido e as palavras mortas são revificadas pela consciência. Os símbolos sagragos abrem seus arcanos à consciência, e a natureza torna-se um livro aberto cheio de lições a serem aprendidas.


O que é Karma Yoga

A palavra sânscrita Karma tem raiz em kri cujo significado denota ação, execução, realização etc. A karma Yoga é chamada de Yoga da Ação, em tradução literal, mas a semântica abre um leque de significados tais como: yoga da vida cotidiana, yoga das leis universais, yoga do viver com qualidade de vida etc.

Yoga da Lei gêmea Karma e dharma

Prática de Karma Yoga

A Karma Yoga implica no exercício das atividades cotidianas cujo próposito é a vida consciente, a mente sintonizada com as leis universais, especialmente com as leis gêmeas do karma e dharma.

Toda ação no mundo produz karma, a forma como é feita, tal ação transforma em dharma (serviço altruístico).

Ascensão por Karma Yoga

Em karma yoga a vida neste mundo (terra) deve ser vivida altruisticamente, pois cada ação corresponde a uma reação. As coisas boas são creditadas em átomos de luz que produz consciência – “aquele que proteje o dharma, é protegido pelo dharma“, e cada ação ruim é debitado um átomo de luz, produzindo dor, inércia, ignorância e trevas.

Ecologia e Karma Yoga

Karma Yoga é a yoga da ecologia global: mente sã, sintonizada com as leis universais; corpo são, sintonizado com as leis da química e física; emoções puras sintonizadas com o Fluído Astral e os seres que vivem da  Luz Astral.

Pratica karma yoga quem pratica o bhavana perfeito.


Como fazer regressão a vidas passadas

Como fazer regressão a vidas passadas. Existe muitas formas de fazer regressão a vidas passadas, mas a melhor e mais confiável é a auto regressão.

Para fazer uma auto regressão a vida anterior ou vidas passadas, você precisa saber concentrar sua mente, antes de tudo, e estes são os passos: limpar a mente, relaxar, reduzir a frequência respiratória, colocar seu corpo na frequência mental beta ou gama, aprender a direcionar a mente.

Passos para fazer auto regressão

O que você precisa para fazer uma auto regreessão: tempo disponível, pelo menos 40 minutos por vez, um local sossegado e confortável, ausência de interferência (crianças, telefone, TV, afazeres da casa, são muitos…).

Tenha garantia de que terá condições de iniciar e terminar sua prática sem interrupções.

Técnica para Regressão a Vidas Passadas

Existem várias técnicas para fazer uma regressão a vidas passadas, outras técnicas serão explicadas em artigos relacionados, aqui exponho a mais comum:

Sente-se numa poltrona confortável, apóie suas mãos sobre as pernas, feche seus olhos e inicie o relaxamento.

Como fazer regressão a vidas passadas

Relaxe seu corpo começando dos pés até a cabeça. Visualise e relaxa detalhadamente sem pressa cada parte de seu corpo, por exemplo: pense nos dedos dos pés, relaxe-os, sinta-os pulsar, sinta-os completamente, suba para o tornozelo faça o mesmo, depois para as penas, depois as coxas seguindo a até a cabeça.

Procure relaxar e não faça respirações profundas, esqueça sua respiração… a respiração acorda, deixa você ligado nos cinco sentidos (consciência de vigília) e assim o exercício será prejudicado. Induza seu corpo ao estado de sono, mas não durma. Ao dizer seu corpo para relaxar e dormir você estará educando a baixar a frequencia de sua mente para o estado gama ou beta.

Após relaxado, visualize uma tela grande como no cinema, nesta tela passa sua vida. Visualize as cenas, deixe seus pensamentos soltos e livres. Inicie vizualizando as recordações dos momentos anteriores, como se estivesse desenrolando um filme, as lembranças devem ser de frente para trás, ou seja, do momento mais novo para o mais antigo.

Leia também este artigo como fazer regressão a vidas passadas

Vidas Passadas

A maioria da pessoas conseguem seus objetivos de lembrar das vidas passadas desta maneira. Esteja confiante e tente, tente, tente até alcançar.


O mundo astral ou uma ilha da fantasia

As pessoas “sensivelmente espirituais” que não foram preparadas previamente nos mistérios, geralmente acreditam em tudo que lhes chega à mente, as imagens e sonhos de suas visões são tidas na maioria das vezes como profecias, noutras como verdades absolutas.

Espíritos de gente morta, entidades antepassadas, espíritos da natureza, gênios, criaturas variadas povoam o mundo astral. Ainda tem os anjos de variadas naturezas (mestres, santos, semi-deuses, deuses etc) e tantas outras mais. Tudo isto habita o imaginário psicológico das pessoas, compondo o que se chama mundo astral. O mundo astral é um mundo paralelo, de imagens e sonhos, na cabeça da pessoa.

Há que se dizer que tudo neste mundo está condicionado à qualidade da consciência, estado de saúde física e mental etc. Estimulantes mentais, neuro-estimulantes etc, afetam a qualidade das informações que chegam nas consciências das pessoas.

Tabaco, marijuana, alcool, cogumelos, ervas alucinógenas lícitas, determinados alimentos, afetam profundamente a percepção da pessoa e a sua relação com o mundo astral e seus habitantes. A moral, a ética, a crença, a formação, o meio etc, também afetam profundamente a percepção.

Seres de luz, seres do mal, espíritos benfeitores, espíritos guias, amigos, familiares, alienígenas, espíritos variados, criaturas informes etc, são condicionados ao estado psíquico da pessoa.

Após um gole de ayahuascar, conforme a condição psíquica, a pessoa fala com Jesus, Maria, o alienígena Hstar Sheran, viaja até a Lua, recebe conselhos de mestres renomados, fala com o Eu Superior, relembra de suas encarnações como Cleopátra, Maria Antonieta, Cesar, Tito e demais personalidades.

Após duas tragadas de maconha, a mente se liberta das condições sensórias e a pessoa fala com Zé Preto, Sebastião caboclo, Maria Mulambo, ondinas, nereidas, gnomos etc.

A matéria do mundo astral é extraordinária, ela se amolda a consciência produzindo variadas experiências psíquicas. O menor contato da mente com tal matéria produz alterações na consciência gerando um prazer indescritível (extases e transes).

Afinal, o mundo astral é um mundo dialético, tudo que há nele é possível. Algumas pessoas tiram proveito das experiências nele, outras vivem num mundo de fanatismo religioso e loucura.

Veja Como fazer Projeção Astral Consciente técnica I, ou também A viagem astral ou os arigos sobre Desdobramento Projeção Astral ou Viagem Astral****.